Entrada no casamento - Checked!!!

Bom diaaaaaaaa!!! 

Na quinta feira passada fomos no cartório aqui de Itaguaí - RJ para dar entrada ao processo de habilitação para o casamento.

Este processo precisa ser feito  até 60 ou 45 dias de antecedência do casamento, leva de 30 à 45 dias para ficar pronto, e a habilitação de casamento que o cartório disponibiliza nesse tempo tem validade de apenas 90 dias.

O nosso casamento será religioso com efeito civil, então neste caso, quando esta habilitação estiver pronta no cartório, levaremos toda documentação (religiosa + civil) para o local da cerimônia.
Você pode estar se perguntando: Mas quanto custa casar??


Cada cartório cobra uma taxa diferente. Vc precisa verificar junto ao cartório da sua cidade.

Documentos que você precisa levar para o cartório:
  • Se solteiro: Certidão de nascimento original (em bom estado); Se não souber onde está, poderá tirar uma segunda via no cartório onde foi registrado. É sempre bom fazer uma cópia para deixar guardando, pois a certidão ficará arquivada no processo no Cartório;
  • Se divorciado: Certidão de casamento com averbação do divórcio e partilha de bens;
  • Carteira de identidade e CPF ou carteira de motorista (cópia autenticada);
  • Duas testemunhas maiores de 18 anos de idade, munidas de cópia autenticada da carteira de identidade e CPF, ou carteira de motorista;
  • Comprovante de residência dos noivos (cópia autenticada);
  • Preencher os dados num papel do cartório, e reconhecer firma das assinaturas dos noivos e testemunhas;
  • Definir se os nomes dos noivos sofrerão alterações quando casados;
  • Definir o regime de bens, podendo ser:
  • Comunhão parcial de bens: todos os bens adquiridos após o casamento serão de ambos os cônjuges, menos heranças e doações. É a modalidade mais usada;
  • Comunhão universal de bens: todos os bens adquiridos antes e após o casamento serão de ambos os cônjuges. É necessária apresentação de Escritura Pública de Pacto Antenupcial, lavrada no Cartório de Notas;
  • Separação total de bens: todos os bens adquiridos antes e após o casamento não se comunicam. É necessária apresentação de Escritura Pública de Pacto Antenupcial, lavrada no Cartório de Notas. Regime obrigatório para maiores de 70 anos;  
  • Participação final nos aquestos: cada cônjuge possui patrimônio próprio e lhe cabe, à época da dissolução da sociedade conjugal, direito à metade dos bens adquiridos pelo casal na constância do casamento. É necessária apresentação de Escritura Pública de Pacto Antenupcial, lavrada no Cartório de Notas;   
Definimos o nosso como Comunhão parcial de bens e vou adotar o sobrenome no noivo o Simões.
Vai ficar...
Verônica Soares Ralha Simões.
São muitas emoções rsrs...
Espero que tenho ajudado vcs com essas informações...
Beijos!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© BL Design - 2014/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Bianca Layouts ♥ EXCLUSIVO! ♥ .
Tecnologia do Blogger .
imagem-logo